CNAPEF - Educação Física e Desporto

Inaugurada na FMH a exposição “100.º Aniversário Professor Moniz Pereira”

APEF de Lisboa representou o CNAPEF na devida homenagem à memória do ‘Senhor Atletismo’

Foi inaugurada na Faculdade de Motricidade Humana (FMH), em Oeiras, a exposição dos “100.º Aniversário Professor Moniz Pereira”, que decorreu ao ritmo de memórias desportivas e ao som de música, duas paixões daquele que é considerado o ‘senhor atletismo’. Para além do CNAPEF e da APEF de Lisboa, estiveram, entre dezenas de pessoas que fizeram questão de marcar presença na homenagem ao antigo treinador do Sporting, falecido aos 95 anos, em 2016, o secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Correia, o presidente do IPDJ, Vítor Pataco, o presidente da Federação Portuguesa de Atletismo (FPA), Jorge Vieira, o antigo atleta Domingos Castro, e naturalmente o presidente da FMH, Luís Bettencourt Sardinha.

Assente em quatro núcleos, esta exposição identifica, numa primeira área, tudo o que tem a ver com vida familiar desde a meninice ao legado, numa segunda o percurso de treinador e professor, uma terceira é dedicada aos tempos de estudante e atleta e, por último, o quarto espaço é vocacionado para o artista e músico, compositor de mais de uma centena de fados, seis deles ouvidos ao vivo nas vozes de Julieta Estrela, Teresa Tapadas e António Pinto Basto. Após os discursos oficiais, a subida ao palco dos vários familiares presentes na plateia, três filhas, um filho e uma neta, que partilharam com a audiência o ‘hino da família Moniz Pereira’ foi momento alto desta cerimónia, que chegou ao fim com o fado “Valeu a Pena”, entoado pelo próprio professor Mário Moniz Pereira.

Não quer perder as últimas informações sobre o movimento associativo da Educação Física e do Desporto?

Inscreva-se na nossa newsletter para receber todas as informações importantes diretamente na sua caixa de email.

CNAPEF e SPEF estabelecem parceria com o Conselho Nacional de Educação

DICA – Divulgar para Inovar, Colaborar para Aprender, eis as palavras-chave deste projeto de inovação

O Conselho Nacional de Associações e Profissionais de Educação Física e Desporto (CNAPEF) e a Sociedade Portuguesa de Educação Física (SPEF) assinaram ontem com o Conselho Nacional de Educação (CNE) um protocolo de cooperação para o desenvolvimento e acompanhamento de projetos inovadores nas escolas denominado DICA. A ideia, que tem como objetivo transformar e melhorar a qualidade do ensino e das aprendizagens, resultou do facto da necessidade de se reconhecer o interesse de revelar um conjunto de fenómenos que são importantes na vida das escolas, mas que habitualmente não são divulgados por não serem quantificáveis ou devidamente valorizados, a exemplo do que o CNAPEF preconiza no seu projeto das “Boas Práticas” através das APEF.

A cerimónia teve lugar na Escola Básica e Secundária Fernão do Pó, no Bombarral, com a presença do Ministro da Educação, entre outras individualidades, onde o projeto DICA, uma iniciativa do CNE, foi apresentado publicamente pelo seu Presidente Domingos Fernandes, referindo o principal propósito ser o de contribuir para que o trabalho e os projetos pedagógicos de elevada qualidade que se desenvolvem em muitas escolas/agrupamentos através dos seus profissionais sejam mais conhecidos pelas comunidades escolares e pela sociedade em geral. Salientou ainda que há projetos pedagógicos de elevada qualidade, concebidos e desenvolvidos pelos docentes e por outros profissionais da educação, que contribuem para que os seus alunos aprendam com mais empenho e obtenham melhores resultados. Nessa perspectiva, o CNE decidiu estabelecer estas parcerias com um conjunto de programas, entidades e associações com reconhecida experiência e mérito no desenvolvimento e acompanhamento de projetos inovadores em diversas disciplinas ou áreas disciplinares (leitura e escrita, artes, matemática, biologia, educação física), que aceitaram colaborar neste esforço de divulgação.

Assim, são parceiros do CNE neste arranque do projeto DICA, para além do CNAPEF e da SPEF, a Rede de Bibliotecas Escolares, o Plano Nacional de Leitura, o Plano Nacional das Artes, a Associação Portuguesa de Educação em Ciências, a Associação Ludus e o Núcleo Interativo de Astronomia e Inovação em Educação. Para o CNAPEF, como referiu o seu Presidente, trata-se de um escolha que muito honra não só a instituição, como as APEF que a constituem e principalmente os seus profissionais que trabalham de forma árdua nas escolas, reforçando claramente o papel da disciplina de Educação Física como verdadeiramente transversal, orientada para uma formação ao longo da vida, capaz de responsabilizar e motivar os alunos para uma intervenção social crítica, refletida e flexível, balizada pelos valores da dignidade e justiça social, em linha com o Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória.

Não quer perder as últimas informações sobre o movimento associativo da Educação Física e do Desporto?

Inscreva-se na nossa newsletter para receber todas as informações importantes diretamente na sua caixa de email.