Fomos conhecer a Escola Básica Integrada Roberto Ivens – Ponta Delgada

A Escola Básica Integrada Roberto Ivens

Na ocasião do Encontro de Professores e Profissionais de Educação Física da Região Autónoma dos Açores (RAA), realizado no dia 21/4/2017, fomos conhecer a Escola Básica 2/3 Roberto Ivens em Ponta Delgada.

Esta escola integra um conjunto de sete estabelecimentos de ensino (EB2,3 Roberto Ivens, EB1/JI de S. Sebastião (Matriz), EB1/JI de S. Pedro, EB1/JI de S. Roque – Maricas, EB1/JI de S. Roque – Poço Velho, EB1/JI de Livramento – Carmo, à Igreja, e EB1/JI de Livramento – Pe. Domingos da Silva Costa), totalizando mais de 1800 alunos do pré-escolar e do 1º e 2º ciclos do Ensino Básico.

Saber mais sobre a EBI Roberto Ivens.

A Educação Física na EBI Roberto Ivens

Tal como nas outras escolas do 1º ciclo do Ensino Básico da RAA os alunos da EBI Roberto Ivens têm 3 tempos semanais, de 45 minutos, num regime misto de monodocência coadjuvada (1 tempo semanal) com lecionação de EEFM por professor especializado (2 tempos semanais).

Relativamente ao 2º ciclo os alunos desta escola usufruem de 135 minutos semanais (45minutos + 90 minutos). Quanto ao pré-escolar tivemos informação que estão a ser dados os primeiros passos para que haja também um regime de coadjuvação por professor especializado em Educação Física, no sentido de ir ao encontro das novas orientações curriculares para este nível de ensino.

O grupo de Educação Física de 12 docentes é bastante estável ao nível de colocações, o que, segundo a direção da escola, tem contribuído de forma importante para que esta escola participe e organize frequentemente os Jogos Desportivos Escolares.

Jogos Desportivos Escolares

De acordo com informação oficial este projeto (JDE), de valor desportivo e pedagógico comprovado, sintetiza o ponto de encontro entre o complemento curricular da Educação Física e o processo desportivo desenvolvido no contexto da comunidade educativa através de uma metodologia de carácter abrangente, integrador e multidisciplinar.

Aberto a todas as escolas dos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico, a participação nos JDE implica que haja uma seleção em cada escola de 24 alunos do Ensino Regular (12 do sexo feminino e 12 do sexo masculino) e 4 alunos do Regime Educativo Especial (REE) no 2º ciclo e/ou 20 alunos (10 do sexo feminino e 10 do sexo masculino) no 3º ciclo do EB, seleção essa que é realizada nas Atividades Desportivas de Escola, o equivalente à atividade interna do Desporto Escolar realizada em Portugal Continental.

Os alunos selecionados irão competir com outras escolas, em fases zonais, em Jogos Desportivos Coletivos, Ginástica, Atletismo e Patinagem, onde o ecletismo é uma prioridade, já que cada aluno participa obrigatoriamente em duas modalidades coletivas e nas três modalidades individuais.

Saber mais sobre os Jogos Desportivos Escolares

Provas de Aferição em Expressões Físico-Motoras

Falamos com José Guilherme, professor de Educação Física nesta escola e supervisor do IAVE para a prova de Aferição de EFM, e com a professora Helena Sousa (também ela de Educação Física), Vice-Presidente do Conselho Executivo a respeito da organização desta prova da EBI Roberto Ivens.

A prova de aferição de EFM será realizada em 10 turmas do 2º ano de escolaridade, perfazendo um total de 206 alunos. As equipas de classificadores serão constituídas por 1 professor do 1º ciclo e 1 professor de Educação Física, tendo a escola decidido avaliar todas as turmas no dia 2 de maio, o 1º dia do período definido para aplicação desta prova.

Quanto a expectativas na organização da prova e nos resultados, ambos os professores demonstraram confiança não só no sucesso da organização (os professores de 1º ciclo e os professores de Educação Física trabalham juntos há mais de 15 anos), como na obtenção de bons resultados (os alunos têm 3 tempos semanais de Educação Física com referência ao currículo de EEFM)

Formação em Educação Física

Um dos temas de conversa foi a formação específica em Educação Física, tema também levantado durante o Encontro de Professores e Profissionais de Educação Física da Região Autónoma dos Açores (RAA), realizado no dia 21/4/2017.

De facto, os professores entendem que tem havido um decréscimo da oferta de formação especializada em Educação Física nesta região, nomeadamente após a extinção dos centros de formação que havia em cada ilha/grupo de ilhas. Pelo impacto que a formação tem no desenvolvimento da Educação Física e do Desporto nas escolas esperam que esta situação seja objeto de consideração e melhoria por parte da Direção Regional de Educação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em NOTÍCIAS com as etiquetas , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s