UNESCO publica orientações para uma Educação Física de Qualidade.

UNESCO2

A UNESCO publicou recentemente um conjunto de directrizes direccionadas para os gestores governamentais. A ideia principal é a seguinte: reforçar a necessidade de mais e melhor investimento na Educação Física nos primeiros anos da vida escolar. 

O timming desta publicação é muito interessante, nomeadamente pelas sérias mudanças nas políticas educativas que temos presenciado em Portugal, nomeadamente no que a Educação Física diz respeito. Também as muitas declarações acerca da importância de operacionalizar reformas e de dar autonomia às escolas, para que elas possam decidir qual é o melhor caminho para o sucesso educativo das suas comunidades, chama-nos a atenção para este documento.

Para quem minimamente tem seguido estes eventos, facilmente chega à conclusão que, ao nível da Educação Pública, estamos pior hoje do que há 4 anos atrás. Os alunos tem menos minutos de Educação Física e de Desporto Escolar por semana e, como consequência, menos oportunidades de desenvolver um conjunto de competências específicas associadas a estas áreas. Por outro lado a desvalorização da avaliação da Educação Física levou a que as suas aprendizagens tenham sido colocadas num segundo plano, quando comparadas com as das outras disciplinas de formação geral nos Ensinos Básico e Secundário. Estamos pior, sem qualquer dúvida.

Mas porquê deveremos investir na Educação Física? Se dúvidas houvessem, a UNESCO ajuda-nos a esclarecê-las enquadrando os benefícios em 4 áreas: literacia física e integração na sociedade, performance académica, inclusão e saúde.

UNESCO

Este documento dá-nos a nós, sociedade portuguesa, uma boa base de trabalho e de referência para o desenvolvimento da Educação Física. Alerta para a necessidade de Governo, Pais, Professores, Alunos, Associações Profissionais, todos terem que trabalhar em equipa para a melhoria da qualidade desta área disciplinar. No que a nós, movimento associativo, diz respeito, estamos e estaremos sempre prontos a trabalhar nessa direção e com esse objectivo. É algo que temos feito continuamente nos últimos 25 anos.

Poderá consultar o documento na seguinte ligação – Quality Physical Education: Guidelines for Policy-Makers

Anúncios
Esta entrada foi publicada em NOTÍCIAS com as etiquetas , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s